Abelha

14 de outubro de 2017 at 16:00 Deixe um comentário

Resultado de imagem para abelha

Entre o colegial e a faculdade fiquei um ano e meio sem estudar nem trabalhar. Hoje entendo o porque. O Pai Maior estava me preparando para estes vinte e dois anos que se seguiram após esta época.
Porém naqueles dias vivia rodeado por amigos e lógico, namoradas.
Contudo vamos deixar as moçoilas de lado e focar nos amigos.
Nosso ponto de encontro era na frente do escritório do Rui ou na casa do John, Rodrigo Mituiti Sonehara, filho da Dirce que hoje está cuidando da floricultura.
Turma grande aquela, principalmente nas férias escolares que o pessoal se multiplicava. Entretanto quando não era férias ou fim de semana, ficávamos jogando baralho na esquina ou bolando arte. E quando eu digo arte, não estou falando em escultura, pintura ou algo do gênero, estou falando de bagunça.
Logo que apareceu alguém com carteira de motorista os passeios tornaram-se mais loucos que os outros, um dos que não me esqueço eram as visitas ao cemitério, sempre tinha um que se borrava de medo.
Mas uma das noites que irão ficar eternizadas em nossas memórias foi quando resolvemos invadir a sede recreativa da SAG de noite.
Ouvimos falar que outras turmas já tinham ido lá para nadar de madrugada, eu mesmo confessei que sabia de um buraco na cerca aonde conseguia entrar e ficar sossegadinho lá dentro com uma paquera.
O pessoal se animou, só um ou outro contestou a aventura, rebatiam que era perigoso, que a janela da vizinha dava de frente com a piscina, que o cloro poderia nos causar mal, até cair todos os pelos do nosso corpo, outros iam mais longe, poderíamos ser presos.
O pai de um dos amigos era policial e o mesmo nos assegurou que se o problema tinha a ver com lei, podíamos ficar sossegados, que ele segurava as pontas.
Combinado então, descemos pela Rua Julio Prestes e enquanto eu caminhava para mostrar a entrada “secreta”, um dos malucos escalou o muro e pulou para dentro.
Consequentemente os outros foram fazendo o mesmo, e aqueles que não conseguiam transpor o obstáculo eram auxiliados pelos demais.
Logo estávamos lá dentro, uns dez adolescentes.
Observamos a janela da casa vizinha e a luz encontrava-se apagada.
Quando menos percebi uns três já tinham caído na água. Todos foram sacando suas bermudas e camisetas e caindo só de cuecas, mas um infeliz fez questão de pular só de meia.
Tudo corria bem, tentávamos fazer o máximo de silêncio possível.
Até que uma mente brilhante falou:
– Vamos nadar na piscina média.
Todos caíram na gargalhada, afinal uma das regras da Sociedade era que a pessoa que utilizava a piscina grande não podia entrar na média.
Então o autor da piada saiu correndo e gritando feito louco e deu um pulo “bomba” na piscina.
Bem, se até aquele momento não tínhamos chamado a atenção de ninguém, após aquele ato, até quem estava do outro lado da cidade tinha nos ouvido.
Foi um tal de pegar short, camiseta, cueca, meia, tênis, tentar se vestir e correr para pular o muro.
Infelizmente um dos camaradas, que desde o começo da aventura, foi o que mais titubeou em nos acompanhar, ficou para trás e dominado pelo pânico não conseguia medir suas ações e se enrolou todo para sair.
Foi um chororô só, porém já lá fora, são e salvos o questionamos do por que das lágrimas.
Na maior cara de pau ele já calmo, virou para galera e proferiu:
– Foi uma abelha que me picou.

       Inibmort

Entry filed under: Inibmort, Texto. Tags: , , , , , , , , , .

Alexa Vega 10 curiosidades para você saber mais sobre a Coreia do Norte

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Dabun’s Page


Desde 28/07/2.009

Estatísticas

  • 334,154 acessos

RSS RSS


%d blogueiros gostam disto: