Posts tagged ‘Política’

10 curiosidades para você saber mais sobre a Coreia do Norte

País mais fechado do mundo é repleto de peculiaridades, que vão desde o que é ensinado nas escolas até as datas em seu calendário. Mais do que isso, o modo como se vive na Coreia do Norte certamente causa estranheza em quem vive no Ocidente. Conheça, então, alguns dos costumes do País:

10. No pódio
A Coreia do Norte conquistou medalhas em todos os Jogos Olímpicos que disputou. Sua melhor participação foi nos jogos de Barcelona, em 1992, quando conseguiu 4 ouros.

9. O florescer dos ditadores
Na Coreia do Norte existe uma espécie de orquídea chamada Kimilsungia, que tem esse nome em homenagem ao ditador Kim Il-sung. Já seu filho Kim Jong-il foi homenageado com o nome de uma begônia, que passou a se chamar Kimjongilia.

8. Socialismo
Praticamente tudo é controlado pelo governo, que provê aos cidadãos saúde, educação, moradia e até um parque aquático na capital Pyongyang. Até mesmo barraquinhas de sorvete são propriedade do governo.

7. Já procurou hotel na internet?
O turismo vem crescendo na Coreia do Norte, sendo que a maioria dos turistas vem da Rússia, da China e do Japão. Cidadãos dos Estados Unidos e da Coreia do Sul, porém, costumam ter vistos de turista negados.

6. Cada macaco no seu galho
Segundo especialistas, a Coreia do Sul é hoje a parte menos interessada na reunificação das Coreias, pois isso lhe custaria bilhões de dólares. Já os Estados Unidos veem a reunificação com bons olhos, já que isso significaria ter um país aliado na fronteira com a Rússia.

5. Marche!
A Coreia do Norte possui o quinto maior exército do planeta. Mais de 1 milhão e 200 mil homens e mulheres compõem as forças armadas, que são controladas diretamente pelo Líder Supremo Kim Jong-un. Seus equipamentos, porém, não estão entre os mais modernos.

4. Datas comemorativas
A Coreia do Norte tem 10 feriados oficiais, dentre os quais se destacam o aniversário de Kim Jong Il (16/02), o aniversário de Kim Il-Sung (15/04), a morte de Kim Il-Sung (08/07), a fundação do Partido (10/10) e o Dia da construção do socialismo (27/12).

3. Religião?
Os norte-coreanos são seguidores do Juche. De acordo com estudiosos trata-se de uma espécie de doutrina que mistura diversas correntes filosóficas, que vão do Cristianismo ao Marxismo. Segundo o Juche, o indivíduo é o mestre de seu próprio destino.

2. Intercâmbio
Em 1996, o atual Líder Supremo Kim Jong-un, então com 12 anos, foi estudar na Suíça, onde ficou até 2000. Na ocasião ele levou consigo uma comitiva que incluía até seu próprio chef de cozinha.

1. E o salário ó…
A média salarial na Coreia do Norte é de cerca de 47 dólares por mês.

Vi no Lista 10

16 de outubro de 2017 at 10:00 Deixe um comentário

Cuidado, você pode estar nessa!

Resultado de imagem para tirinha glauco

Via Google Images

21 de junho de 2017 at 10:00 Deixe um comentário

Isso aí não é arte

Doria picha Romero Britto e grafiteiros pedem que a parede volte a ser cinza

O prefeito João Doria inaugurou, neste domingo, a primeira ação do Museu de Arte de Rua (Mar) na cidade de São Paulo. Meses após declarar guerra aos pichadores e mandar apagar grafites em diversas áreas da cidade, Doria surpreendeu e pichou um coração em um muro. O coração, por sua vez, era no estilo Romero Britto.

“Isso é arte. O grafite é arte, mural é arte. A prefeitura respeita, as pessoas respeitam, admiram e aplaudem” observou o prefeito.

Não é a primeira vez que Doria utiliza Romero Britto para defender a livre expressão da arte na cidade. A atitude, no entanto, não agradou a população e, muito menos, os pichadores e grafiteiros que, revoltados, organizaram protestos pedindo que os muros voltem a ser cinzas.

“Isso não é grafite, é pichação! Isso aí não é arte, podem levar esse marginal para a cadeia!” dizia um dos cartazes.

Os manifestantes usaram ainda tinta cinza e pintaram os muros.

Vi no Sensacionalista

5 de junho de 2017 at 10:00 Deixe um comentário

Fair-play

Imagem relacionada

Essa semana o caso “Rodrigo Caio” voltou a tona. Durante uma entrevista, o ex-goleiro “mito” Rogério Ceni, hoje técnico do São Paulo Futebol Clube, colocou em dúvida a escalação do zagueiro do seu time para a seleção brasileira.
Com o seguinte depoimento: “Talvez o Rodrigo e o Tite sejam pessoas melhores que eu. Dentro do calor do jogo, com objetivo sempre da vitória…” “…Se eu fosse treinador da Seleção, eu o levaria pelo futebol que joga, não pela atitude de tomar um cartão, porque senão daqui a pouco cada um que acusar cartão tem que ser convocado.” Deu-se a entender que Rodrigo estaria sendo escalado pelo belo gesto que realizou na semifinal do Campeonato Paulista e não pela bola que joga.
Gesto esse que lhe rendeu elogios não só de repórteres e jogadores brasileiros, mas de diversas personalidades mundo afora.
Pra quem ainda não sabe o que se passou. Foi no primeiro jogo da semifinal do Campeonato Paulista, quando numa bola disputada na área do time tricolor o atacante Jô do Corinthians fora punido com o cartão amarelo, cartão esse que o tirava do jogo de volta, pelo acúmulo de três cartões. Só que o zagueiro Rodrigo Caio assumiu que foi ele quem tocou no goleiro e no mesmo instante o árbitro retirou o cartão e parabenizou o jogador pela HONESTIDADE.
Pra piorar a situação, no jogo de volta o atacante Jô, que acabou jogando por não ter acumulado o terceiro cartão amarelo, fez o gol que acabou com as esperanças do tricolor de ir para as finais.
Num mundo de “Eu gosto de levar vantagem em tudo” o gesto de nobreza visto em rede nacional ainda provoca reações adversas.
Não foram poucos que se revoltaram com a atitude do jogador. E olha que não estou citando apenas atletas e torcedores do São Paulo, ouvi pessoas declamando que tem que ter malícia no esporte, que no amor e na guerra vale tudo, como se o futebol fosse um campo de batalha.
Esquecem-se que nossos filhos acompanham as partidas do esporte bretão desde tenra idade, apaixonados pelos escudos e cores de seus times muitos não perdem nenhuma partida, com certeza prestam mais atenção a cada lance do que as lições descritas no quadro negro.
Seria essa a educação que queremos dar as gerações vindouras? O exemplo entoado por Bezerra da Silva que “malandro é malandro e mané é mané”. Com certeza queremos um mundo livre de manés, entretanto sabemos que a vida do malandro tem dois desfechos: cemitério ou cadeia.
Estamos acompanhando uma das eras mais obscuras na política nacional. A todo momento um novo nome aparece ligado à extorsão de cifras milionárias, quiçá bilionárias.
De mega empresários a presidentes da república, todos chafurdados na lama pútrida da corrupção.
O que vamos deixar para os nossos filhos e netos? E eu como espírita crente na lei da reencarnação, espero voltar pra esse planeta. O que vai restar pra mim?
Não da pra esperar mais, chegou a hora de arregaçarmos as mangas e lutarmos para que possamos ter um futuro digno.
Indiferente de que clube você torce, qual o seu partido político ou a fé que professa, precisamos nos unir, acreditar que ainda dá tempo.
Tempo de transformar esses serezinhos que nos são confiados pelo Pai Maior em homens e mulheres de bem. E só tem um jeito de fazermos isso; Dando o exemplo!

           Inibmort

27 de maio de 2017 at 16:00 Deixe um comentário

Tamo Junto

Porquê o emprego não procura a gente?

Resultado de imagem para charge

Via Google Images

23 de maio de 2017 at 10:00 Deixe um comentário

Diogo Portugal – Depoimento Lula

Não existe pergunta difícil:

.

22 de maio de 2017 at 10:00 Deixe um comentário

ENCANA LOGO O MELIANTE QUE ESTÁ DESMORALIZANDO A JUSTIÇA

Vi no Humor Político

10 de maio de 2017 at 10:00 Deixe um comentário

Posts antigos


Dabun’s Page


Desde 28/07/2.009

Estatísticas

  • 331,674 acessos