Gravo!

1 de novembro de 2017 at 10:00 Deixe um comentário

Estou formatando Micros!

4 de outubro de 2017 at 10:00 Deixe um comentário

VIOLÊNCIA

Image result for VIOLÊNCIA

“A violência é tão fascinante; E nossas vidas são tão normais; E você passa de noite e sempre vê; Apartamentos acesos; Tudo parece ser tão real; Mas você viu esse filme também”.
Os trechos iniciais da canção Baader-meinhof blues, escrita por Renato Russo, músico e compositor da Legião Urbana, descreve como lidamos com a violência que insiste em nos rodear.
O nome que dá título a canção simboliza a “Fração do Exército Vermelho”, organização guerrilheira alemã de extrema-esquerda, fundada em 1970, na antiga Alemanha Ocidental, e dissolvida em 1998, um dos mais proeminentes grupos extremistas da Europa pós-Segunda Guerra Mundial. (Fonte: Wikipedia).
Se o Baader-meinhof estava certo ou errado em suas ações, quem sou eu para opinar, conquanto estamos envoltos numa série de atentados violentos sem nenhum nexo.
Podemos começar explanando a aberração que a torcida do Flamengo, na noite que antecedeu o jogo final da Copa Sulamericana, fez defronte ao hotel que o time adversário, Independente da Argentina, estava hospedado.
Munidos de morteiros e pedras os “torcedores” na tentativa de impedirem a noite de sono do time adversário destruíram a fachada do hotel. Relatos da polícia confirmam que entre os vândalos encontravam-se dois soldados da Aeronáutica.
Não que exista razão para violência, porém mais gratuita que essa só a que assolou nossa alegre praça, logo após a inauguração das luzes de Natal.
A casa intitulada “do Papai Noel” foi vilipendiada, se é que aqui cabe tal adjetivo, por marginais que com certeza agiram apenas pelo motivo de maldade e insensatez.
Ignorando todo um árduo trabalho no qual o processo de confecção dos enfeites natalinos exigiu dos seus executores.
Outro exemplo de maldade por maldade é que na última terça-feira, mais uma vez o nosso Centro Espírita foi alvo de algum “espírito do mal”. Apedrejaram uma das janelas basculante apenas com o intuito de destruir.
Não é segredo que nós, seres humanos, temos uma certa obsessão pela violência. É só apanharmos os livros de história e vamos acompanhar as mais diversificadas guerras, guerrilhas, invasões, genocídios…
Dificilmente é descrito épocas de paz. Imagine um jornal televisivo que não explanasse um mísero assassinato, quão enfadonho seria para uma gama de telespectadores. Um filme sem nenhuma ação. Pra ser um pouco mais específico, quem consegue assistir uma partida de xadrez pela TV.
Infelizmente a violência e a sede de ação habita o nosso cerne, se não a praticamos, ainda necessitamos observá-la. Contudo fica a dica desse amigo que vos escreve;
Estudioso que sou das coisas dos Espíritos; caminhamos ainda num estágio de evolução que afirma que uma enorme porcentagem dos habitantes do planeta Terra se não são diabinhos, com certeza não estão dotados de asas e auréolas.
Porém aqueles que a cada dia se desfaz das suas más inclinações, corre na frente daqueles que não se livram dos antigos hábitos.
Não quero entrar aqui no mérito dessa ou daquela crença, porém o maior símbolo religioso do nosso país e de boa parte do mundo teve que morrer numa cruz para chamar a atenção do seu legado.
O Espírito do Natal muitas vezes anda junto com as infinitas promessas de fim de ano. Que tal dentre tantas, firmamos um trato que em 2018 possamos dar menos atenção pro que é violento e direcionar nossa atenção e pensamentos pro que é bom e saudável?
São as pequenas mudanças que tomadas em conjunto vão alterando o panorama dos dias em que vivemos e aos poucos transformando-os em um local muito mais agradável para entregá-los aos que nos procederem.

          Inibmort

19 de janeiro de 2018 at 9:00 Deixe um comentário

Ana Carolina Dias

Mais uma gata nacional:

Related image

Image result for Ana Carolina Dias

Image result for Ana Carolina Dias

Image result for Ana Carolina Dias

Image result for Ana Carolina Dias biquini

Related image

Via Google Images

 

18 de janeiro de 2018 at 9:00 Deixe um comentário

Kiss: A opinião de Paul Stanley sobre o Metallica

Por LucasFonte: Metal Remains 

O guitarrista do THE CURSED, Dan Lorenzo, conduziu em janeiro de 2008 uma entrevista com o guitarrista e vocalista do KISS, Paul Stanley, para a revista Steppin’ Out. Uma das perguntas se refere ao METALLICA, a qual pode ser conferida abaixo.

Lorenzo: Você já gostou de bandas mais pesadas como Metallica e Slayer ou você não consegue curtir esse tipo de música?

Stanley: Eu aprecio que outras pessoas apreciem isso. Eu não coloco o Metallica e o Slayer no mesmo grupo. Eu acho que o Metallica algumas vezes realmente seguiu uma linha comercial enquanto muitas outras bandas desse estilo permaneceram bem mais restritas em seu escopo. Não, não é o meu tipo de música. Não é um julgamento moral. É como se comida fosse a mesma coisa que música – independente de eu gostar ou não, isto não é um fator determinante se ela é boa ou não.

Vi no Whiplash

17 de janeiro de 2018 at 9:00 Deixe um comentário

Ai que meda

Se essa moda pega

Related image

Via Google Images

16 de janeiro de 2018 at 9:00 Deixe um comentário

O COMPUTADOR DE 17 REAIS! – Raspberry Pi Zero

Esse é um computador de $5

15 de janeiro de 2018 at 9:00 Deixe um comentário

Que venha 2018!

Image result for 2018

Em apenas um clique o calendário roda e o que era amanhã se torna hoje. Os sinos dobram informando o novo ano, convidando-nos a refazermos os planos e as promessas.
Planos de renovações, de melhorias, otimismo, fé, esperança.
Porém no dia dois ao acordarmos com ressaca das festanças do dia primeiro nos deparamos com tudo igual ao dia trinta e um de dezembro.
Nada mudou e se mantermos o botão no automático nada vai mudar.
A realização dos planos e o cumprimento das promessas dependem exclusivamente dos nossos atos. Não adianta ficar sentado esperando de braços cruzados.
Quer perder uns quilos, tem que fechar a boca e começar a suar; quer ganhar dinheiro, aí meu caro amigo leitor, só com muita labuta; ou é amor que falta na sua vida, só uma perguntinha, você pelo menos se ama?
Lembre-se que a mudança tem que começar de dentro pra fora. Não estou falando do seu hálito, mas dos pensamentos que rondam a sua cabeça. É lógico que estar positivo ajuda, porém mais que isso são as ações que anda praticando, a matemática é simples, o mal atrai o mau, consequentemente o bem…
Sempre uso o intervalo de 365 dias para fazer um balanço geral de como venho me comportando, o que tenho que mudar e o que deve permanecer como está, porém esse intervalo pode começar todos os dias ao abrir os meus olhos.
2017 já ficou na história, algumas pessoas vão desdenhar do ano que passou, pra outras tanto fez como tanto faz, na minha singela opinião foi um ano maravilhoso. Aliás, como todos os que já vivi.
Muitos não acreditam que alguém possa ser tão feliz, porém eu lhe garanto que todos nós podemos e é muito fácil. Coloquem na balança os momentos bons e do outro lado os momentos ruins e repare qual dos dois pesa mais.
Se os momentos ruins superaram os bons tente esquecê-los, pronto ficou só coisa boa. Fácil né!?!
Utopias a parte, podemos sim encontrar a felicidade e servirmo-nos dela. Agora se você é daqueles que adora desfilar com suas infelicidades procurando uma palavrinha de consolação, aí me desculpe, mas viver da auto-piedade alheia está fora do que eu escolhi para seguir o meu caminho.
Em 2017 perdi meu emprego de 22 anos, rebolei para receber o FGTS e o Seguro, até hoje ainda não recebi meu acerto e nem os “enes” salários atrasados. Pensa que eu fiquei procurando culpados ou me fazendo de vítima, muito pelo contrário, estou aproveitando esse tempo para curtir os meus filhos, minha família, para ler, assistir TV, jogar vídeo game, trocar ideia com os amigos… isso é, viver.
Eu sei que chorar, espernear, me irritar não trará o emprego de volta, portanto vou vivendo cada dia de cada vez e quando for a hora e a vontade de Deus junto com minha força vou voltar a ativa.
A crise não atinge só uma parcela da sociedade, ela é geral, abala a economia, mexe com tudo e com todos, porém é nessa hora que aparecem as maiores oportunidades, não fique de bobeira, olhando para o nada, coloque essa cachola para funcionar e descubra um novo empreendimento que vai te fazer crescer. Só não se esqueça de mim quando estiver bem.
Brincadeira… mas nem tanto, pode esquecer de mim sim, entretanto lembre-se sempre daqueles que estiveram do seu lado em todos os momentos.
Hoje é só o segundo domingo das 52 semanas de 2018. Logo eu quero lhe desejar um ano de muita luz, paz, amor, felicidade, prosperidade, evolução espiritual…
E fazer-lhe um pedido, não só pra mim, mas que envolva toda a nossa nação. Que no dia sete de outubro possamos eleger pessoas que se importem com a nossa pátria e não com o próprio umbigo.
Feliz Ano Novo!

        Inibmort

14 de janeiro de 2018 at 10:00 Deixe um comentário

Katy Perry

Ela esteve aqui em 2013, porém melhorou muito de lá pra cá:

Related image

Image result for Katy Perry

Image result for Katy Perry

Related image

Image result for Katy Perry

Image result for Katy Perry bikini

Via Google Images

11 de janeiro de 2018 at 9:00 Deixe um comentário

Posts antigos


Dabun’s Page


Desde 28/07/2.009

Estatísticas

  • 339,391 acessos

RSS RSS